Apps pra ajudar nas finanças

Fui buscar idéias dos melhores e mais práticos apps para gerenciar o nosso dindin. Selecionei esses aqui:

Para Android e Windows Phone:

Money Wise

De uma maneira bem simples, o Money Wise permite que os usuários adicionem os seus gastos, permitindo o controle do próprio orçamento.

 

CartaoFacil

 

O app Cartão Fácil permite controlar toda a movimentação nos seus cartões. Dá pra inserir todos os gastos e não se surpreender com a fatura ao final do mês.

BillReminder

 

O Bill Reminder te ajuda a lembrar das contas que estão pra cair. Ele funciona como um calendário, onde vc configura todas suas contas (quinzenais, mensais, semestrais…) e o melhor, tem como configurar alertas para essas contas!

 

Para Android e IOS:

MinhasEconomias

Minhas Economias permite criar panilhas com informações claras de todas as transações da sua conta.  Dá pra saber quanto dinheiro existe na sua conta. O app tambem traz links com dicas sobre economia doméstica.

 

MoneyCare

O Money Care, com duas versões (a gratuita e a paga) esse app mostra relatórios de faturas já pagas e das faturas pendentes. A versão gratuita tem menos funcoes que a versão paga, obviamente.

 

GuiaBolso

 

Outro app é o GuiaBolso que permite gerenciar os gastos com grande facilidade. É possivel addicionar cartões, sincronizar contas bancárias e fazer relatórios.

 

é isso, foram esses que percebi serem os mais comuns. Alguém tem outra dica de app pra auxiiar no controle do nosso dindin? Se sim, conta aqui nos comentários, please!

XXX

Cibele

Dinheiro – Bem me quer, mal me quer!

Você está precisando: economizar, salvar dinheiro ou fazer seu dinheiro render?

Eu também, colega, eu também… andei lendo alguns artigos publicados, assistindo alguns vídeos no youtube e ando um tanto quanto decidida a aprender a lidar com meu dinheiro e fazer o bendito render. To cansada de ter e não ter dinheiro na conta. Eu não tenho dívidas, graças a Deus, é por pura má administração mesmo!

Meio que selecionei algumas dicas pra ajudar a fazer o nosso rico e suado dindin render. São óbvias, mas a gente não segue e acabam sendo de grande impacto no bolso.

Anote os gastos – A partir do momento que a gente começa a anotar os gastos, a gente passa a também controlar o mesmo. Fica fácil saber onde economizar.

Tenha um gerenciador financeiro – nessa de anotar e controlar os gastos, um gerador financeiro é super necessário! Pode ser o bom e velho caderninho de anotações, uma planilha no excel ou um app no telefone.

Pague as dívidas – mega inimiga da vida financeira (Graças a Deus desse mal eu não morro, mas…). É preciso quitar as dívidas pra poder salvar dinheiro. Mas pra sanar essas dívidas é preciso ter dinheiro. Então… Tem um vídeo da Flavia Calina super interessante sobre finanças pessoais, que me animou muito nessa questão.

Tenha objetivos – Tá salvando dindin pra quê, colega? Anote aí três objetivos, a curto, médio e longo prazo. E persista! Aparentemente nesse quesito, a gente divide o valor dos objetivos estabelecidos pelo número de meses que você irá levar para conquistá-lo. Por exemplo: uma viagem x, custando XX no meu aniversário em XXX meses. Divido então o valor da viagem (XX) pelo número de meses (XXX). O resultado é o valor que preciso salvar pra esse objetivo. Entendeu? O negócio é fazer isso pra cada um dos seus objetivos.

Recebeu um dinheiro que não esperava? Você tem duas opções:

1.Tem alguma dívida? Então use esse dinheiro para diminuí-la. Dê prioridade para a dívida do bendito cartão de crédito, depois pro cheque especial. E assim por diante.

2.Não tem dívida? Então, nada de gastar, amiga. Seja qual for o dinheiro, independente do valor, NÃO GASTE. Resista com todas as forças, por pelo menos dois dias. Fica mais fácil dar valor ao dinheiro extra quando passa a empolgação. Guarde o dinheiro naquela sua conta especial, a conta dos objetivos!

Guarde as moedas – Se você não gosta de moedas, aprenda o valor daquela coisinha redondinha e achatada! Eu junto as moedas que ficam jogadas pela casa (meu marido detesta elas) dentro de um pote de vidro (um de azeitonas! Hahaaah). Explico: há aaaaaanos atrás, eu devia ter uns 13 ou 14 anos, ganhei um cofrinho de amigo secreto. Eu acabei dando pra minha irmã. A minha irmã deixou o cofre na casa da minha avó e toda vez que ela ia na casa da minha avó ela depositava as moedinhas. No final do ano, abrimos o cofrinho dela, que ja mal saia do lugar. Resultado: mais de R$300 que ela salvou!!! Ok, minha avó jogava moedas lá dentro também, mas entenderam o raciocínio, né?

Faça trabalhos extras – Aproveite suas horas vagas ou finais de semana. Ná época da faculdade, tinha amigos que ganhavam dinheiro colocando TCCs naquelas tais regras, tinha amiga que transpassavam entrevistas de áudio para o escrito e depois entrega para jornalistas e editores (servicinho chato, que ninguém queria fazer, mas era necessário!. Ela se deu bem.). Dá um pesquisada. Alguma coisa aparece!

Li que esses passos são passos que os Millionários e bilionários seguiram e ainda seguem, para manter a fortuna. Não custa tentar, né?! O resultado leva uns meses para aparecer, mas se a gente não se esforçar agora, não vamos ter la na frente. É como dizem: No pain no gain! 

Achei na internet várias planilhas com valores pra salvar e resultado. Salvei duas, pra ter idéia do quanto conseguimos salvar, com um pouco de esforço.

images como-economizar21

e aí, vamos reverter esse jogo? Eu super indico assistir ao vídeo da Flávia Calina que sitei lá em cima. Boa explicação e dicas para resolver essa questão financeira.

XXX

Cibele