Cortei meu cabelo!

Bom,

já fez um mês que passei a tesoura no cabelo. Meio que sem querer, no impulso, no susto. Mas foi… Hahahha

img_2449-2

Há meses que estava pensando em “dar uma boa cortada” no cabelo. Sabe quando voce cisma que tá precisando renovar o corte e blá blá blá? Foi mais ou menos isso.

Há meses que estava cortando só “as pontinhas”, naquela de ir  “acertando aos poucos”, mas cansei. Fui no salão e pedi para a cabeleireira me ajudar a dar fim nas pontas secas, danificadas, pedi mais camadas e o volume dos cachos de volta.

O Resultado?!

img_2643

P.S.: O tanto que meu cabelo cacheia quando estou no Brasil?! A diferença na qualidade da água tem efeito real. 

Confesso que foi um misto de alívio e desespero. Olhando no chão, ela não tinha cortado tanto. Mas olhando no espelho, cadê meu cabelo?!  Eu passava a mão e cadê todo aquele comprimento?! Me segurei pra não chorar…

Depois vem a fase das reações das pessoas. Gente que adora e super elogia e gente que fica chocada. Foram dias assim… e ainda é!

Mas agora, um mês depois, eu to adorando! Tô achando moderninho. Tá leve! Os cachos estão mais definidos, a cor está toda original.

As pontas estavam tão secas, que ficam espigadas. Não formava cachos e isso me deixava tensa. Era o resto das luzes de anos atrás, da minha fase de “luzes californianas” seguida por uma fase de cabelo cor de rosa – confesso que sinto saudades, mas o dano foi tão grande… e que dificuldade pra recuperar! Só cortando mesmo.

Agora tá mais rápido e fácil de lavar, de arrumar. E confesso que, já não sei mais se quero ele compridão novamente…

Quem ai me entende? Quem já cortou o cabelo, quase chorou mas depois amou?

Me contem!

Bjinhus,

Cibele